Como saber se sua empresa está indo bem?

Medir os resultados de faturamento da sua empresa é a maneira na qual você avalia se sua empresa está “bem de saúde”?

Se sua resposta foi sim, lamentamos em informar que sua estratégia pode falhar a qualquer momento!

Analisar apenas o faturamento final pode ser um risco, pois ele não te mostra exatamente quais pontos você pode melhorar e muito menos quais deles dependem diretamente da sua gestão, ou ainda, se são resultados e consequências de aspectos externos.

Separamos algumas sugestões com formas de medir, analisar e planejar ações mais eficazes para ver, de fato, como sua empresa está, e principalmente, trilhar mais sucesso e triunfo ao seu negócio.

Para medir:

  • acompanhamento de informações da empresa e gestão de resultados – via planilhas que analisem a DRE (Demonstração de Resultados do Exercício);
  • indicadores e metas – mesmo em formato de planilha, o gestor consegue visualizar e comparar resultados de vendas, evolução e déficits de orçamentos (orçado x realizado).

Para analisar:

  • a análise deve vir de comparações com meses anteriores, bem como pesquisas de como vai o mercado e a concorrência;
  • analisar os números realizados no mês em questão comparando com a meta;
  • outro fator de análise é olhar para números, taxas, porcentagens de crescimento ou o recuo de cada indicador, em separado;
  • análise FCA (Fato, Causa e Ação) – veja como funciona aqui

Para planejar e ajustar:

  • desenvolver planos de ações de curto, médio e longo prazo (de acordo com a análise FCA);
  • os planos devem seguir a sua meta de crescimento, além disso, não podem fugir das circunstâncias orçamentárias e de investimento na qual você desenhou.

E mais: Qualquer tipo de gerenciamento de resultados, seja via sistema ou planilha, é importantíssimo e pode ajudar na tomada de decisão e na assertividade das ações de gestão da empresa.

E lembre-se: nunca deixe de analisar e repensar suas ações e estratégias. Voltar atrás a uma decisão não é o fim, o que importa é alinhar isso com sua equipe.  O gestor deve se questionar regularmente quanto às melhores ações a serem tomadas diante do objetivo maior e da situação atual da empresa.

Você possui ferramentas que te ajudam a controlar o financeiro na sua venda?

Muito mais do que um ERP (que é importantíssimo, mas não dá segurança no ato da compra) é você contar com métodos, práticas e ferramentas de proteção ao crédito. Com ela, você assegura as informações antes mesmo de fechamento de venda, evitando clientes que comprometam os resultados do mês. Afinal, de que adianta vender muito se seu indicador de inadimplência está alto? Mais informações sobre análise e concessão de crédito: clique aqui

Gostou das nossas dicas? Compartilhe as suas conosco em nossos comentários!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s