4 atitudes de empresas que estão ultrapassadas

Dê uma olhada nesta lista que elaboramos e veja se o seu negócio não está precisando de algumas atualizações.

1 — Falta de atenção ao cliente

No passado, as negociações eram bem mais simples e havia pouca oferta para muita demanda, ou seja, poucas lojas para muitos clientes. Hoje, quem é lojista sabe que a concorrência é grandíssima. E quem se destaca entre tantas opções é quem melhor atende o cliente e quem dá a ele não apenas um produto de qualidade e com preço competitivo, mas também quem cria uma agradável experiência de compra. Leia novamente: 5 erros clássicos na fidelização de clientes (aqui) e Como o varejo deve tratar o consumidor 60+ (que representa hoje uma grande parcela da clientela) (aqui)

2 — Funcionários desanimados, operando no “modo automático”

Sempre vale lembrar: funcionários motivados e felizes produzem melhor! Se o perfil dos clientes mudou ao longo dos anos, o mesmo pode ser dito dos funcionários. Hoje, os colaboradores querem sentir que são parte importante da empresa e precisam ser reconhecidos como tal. É preciso reuniões mensais, dinâmicas, encontros, palestras, conversas. Aproxime-se do seu funcionário e escute o que ele tem a lhe dizer. Um empreendedor que leva em consideração as ideias e as necessidades do colaborador, tem mais chance de possuir um ambiente mais produtivo de trabalho (além de diminuir a rotatividade).

3 — Falta de presença online de qualidade

Leia de novo: Quase a metade dos consumidores busca informações online antes de comprar em lojas (aqui) Ou seja: se a metade deles vai procurar a sua loja na internet e não há qualquer presença online dela, as chances de esse cliente desistir de comprar com você são grandes. Se não for possível ter um site, tenha redes sociais (que exigem um investimento financeiro menor do que a criação de um site). Seja presente nas redes, reforce a sua marca e converse com seus clientes também no Facebook e Instagram. Veja como impulsionar o marketing digital para impulsionar as suas vendas. (aqui)

4 — Falta de noção de quem são os concorrentes

Não é recomendável ignorar os avanços da concorrência. É preciso estar conectado com o que as outras empresas estão fazendo. Muitos empresários fecham-se em seu negócio e isso nunca é boa ideia. É bom estar sempre de olho nas outras lojas (e isso pode ser feito pelas redes sociais), não apenas nos preços, mas nas estratégias, promoções, lançamentos, e aprender tanto com seus acertos quanto com seus erros.

Publicado por

marketingcdl

A CDL Caxias é a maior entidade do movimento lojista do Rio Grande do Sul e a está entre as maiores do Brasil em número de associados. É afiliada à CNDL – Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas que congrega 1600 CDL´s e 600 associações comerciais, reunindo 2.200 mil entidades no Brasil e 800 mil pontos de vendas e à FCDL – Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas do Rio Grande do Sul que reúne 152 CDL´s, 20 associações comerciais e 40 mil pontos de vendas no Estado. O trabalho sério desenvolvido pelos 30 presidentes que já atuaram na entidade ao longo destes 50 anos, diretores e profissionais que participaram da CDL Caxias é respaldado pelas muitas conquistas que a entidade obteve. Uma das mais importantes veio no ano final de 2005, quando a entidade, entre todas as CDLs do país, ganhou o 1º lugar na Categoria Serviços aos Associados na 46ª Convenção Nacional do Comércio Lojista, realizada em Maceió, Alagoas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s