Case Roni Chaves: empresa bonifica os melhores vendedores

O que é uma loja sem vendedores? Ou ainda, o que é uma loja sem vendedores motivados?

Na Roni Chaves, empresa caxiense do ramo de compra e venda de peças de caminhões, a bonificação para os vendedores que atingem as metas é sempre presente. Lucas De Antoni, gerente de marketing e mercado da Roni Chaves, é quem explica essas políticas da empresa.

A Roni comemora 55 anos em maio deste ano. Os atendimentos da empresa, aos mais de 15 mil clientes, são feitos nas lojas e por telefone, e a marca conta com mais de 50 vendedores. “Cada vendedor tem uma carteira de clientes para atender e metas definidas e conseguimos acompanhar tudo isso em tempo real. Oferecemos bônus de atingimento de métricas e de cumprimento de carteira”, conta Lucas.

Para comemorar o aniversário da empresa, todos os funcionários participarão da próxima campanha, não apenas os vendedores. “Temos o setor comercial, que empurra toda a marca, mas temos os outros setores também, de apoio, que são muito importantes para a empresa e também precisam ser incentivados”, diz Lucas.

O atual gerente de marketing, que por mais de 20 anos trabalhou na área comercial, diz o que acredita ser crucial para ser um bom vendedor nos dias de hoje: “Precisa ter foco no objetivo e conhecer o que está vendendo, tem que estudar muito. É necessário trabalhar com metas e conhecer muito bem o público. Esse é o segredo. Vender bem não é só conseguir faturamento, é fidelizar o cliente e fazer com que o preço não seja a primeira coisa que o cliente se interesse. Tem que fazer um trabalho para vender o melhor valor, não o menor preço”.

Roni Chaves é associada CDL e foi uma das empresas mais atuantes na Campanha CDL Presente com Você, que premia consumidores e vendedores por meio do cadastro de suas compras no site da promoção. Atualmente, a campanha de incentivo de vendas da CDL está em construção para a edição Natal 2018.

 

Deixe uma resposta