43% dos caxienses irão presentear no Dia dos Namorados

3 minutos para ler

Quarenta e três por cento dos moradores de Caxias do Sul pretendem presentear neste Dia dos Namorados, segundo a pesquisa de intenção de compras promovida pela CDL do município. Destes, 91% irão adquirir produtos ou serviços no comércio local, sendo que 63,5% darão preferência para as lojas de rua do Centro e dos bairros. O ticket médio deve ser de R$ 189, uma redução de 3,5% em comparação a 2019. O levantamento foi realizado de 27 de maio a 1º de junho, com 390 participantes.

Mais de 80% dos entrevistados informaram que já sabem o que irão presentear, sendo que, mais uma vez, vestuário e acessórios são os preferidos. As mídias digitais (redes sociais e internet) são os principais canais de pesquisa para 83,4% das pessoas, um crescimento de 13% frente ao ano passado.  

Os números mostram também que o que mais interessa para o público na hora da decisão de compra são a agilidade no atendimento (25,3%), a opção de entrega a domicílio (14,3%) e a identificação clara dos preços (13,7%). Cinquenta e um por cento devem adquirir o presente na semana da data e 25,3% na véspera ou no dia.

O romantismo é a principal influência (61,5%) das compras para o Dia dos Namorados, fazendo com que os consumidores gastem mais (37,7%) e criem surpresa para o par (49,8%). Além do presente, 74,4% farão algo especial, um crescimento 26,9% em comparação ao ano anterior. Desses, 22% pretendem sair para jantar e 42,1% farão uma refeição diferenciada em casa.

Dos 390 entrevistados de Caxias do Sul, 89,2% alegaram que o novo coronavírus afeta muito (32,7%) ou pouco (56,5%) na hora das compras para a data. No Dia das Mães, o percentual foi de 94,5%.

“Essa redução do impacto do coronavírus é um bom sinal, porque mostra que os consumidores estão com uma pré-disposição maior a presentear. Estamos nos encaminhando para um cenário mais otimista. Percebemos que a população está mais familiarizada com a pandemia. As pessoas estão percebendo que precisam se acostumar a viver essa nova realidade”, analisa o vice-presidente de Comunicação da CDL Caxias do Sul, Micael Canuto. A entidade estima que haverá uma retração de 30% nas comercializações frente ao Dia dos Namorados de 2019. Dentre os 56,9% dos entrevistados que não irão presentear na data, 28,9% afirmaram que irão priorizar outros gastos, 23,8% disseram que não tem quem presentear e 12,8% alegam que é devido ao coronavírus.

Você também pode gostar

Um comentário em “43% dos caxienses irão presentear no Dia dos Namorados

Deixe um comentário